Curso de Engenharia Civil da UCPel presta levantamento topográfico para instituições parceiras

Ultrapassando os limites dos livros e da sala de aula, acadêmicos do curso de Engenharia Civil da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) prestam serviço à comunidade realizando levantamento topográfico em diversos locais do município. Estudantes do 4º semestre integram a atividade que atualmente atende demanda do Instituto de Menores Dom Antônio Zattera.
Orientado pelo professor João Rodrigues, o trabalho de levantamento topográfico é essencial para o desenvolvimento de qualquer obra dentro da engenharia. Também auxilia acadêmicos a colocar em prática o que é visto durante a graduação.  “A prática é que ensina. Nós temos dois períodos de Topografia I em que priorizo trabalhar na rua”, diz o professor.
Através do levantamento topográfico, ocorre o reconhecimento básico da área programada para construção; fornece ainda uma representação (planimétrica ou altimétrica) dos diferentes pontos do terreno, determinando dados como contorno, dimensão e posição relativa de uma superfície.
Além do trabalho que está sendo desenvolvido no Instituto de Menores, locais como o Santuário de Guadalupe, na Cascata, a Igreja da Paróquia de Santo Antônio do Laranjal, e a aldeia da tribo Kaingang em Pelotas já receberam o levantamento.
A acadêmica do 8° semestre do curso de Engenharia Civil, Hanelore Mesquita, que participou do projeto na tribo Kaingang, conta que a experiência foi única e importante na sua graduação. “Comecei a ver a área com outros olhos. Estou até mais interessada na topografia agora e pensando em quem sabe fazer alguma coisa relacionada a isso no futuro”, justifica. 
O projeto é desenvolvido semestralmente por acadêmicos do curso da Engenharia Civil. Interessados em solicitar o serviço ou obter mais informações podem entrar em contato com o professor João Rodrigues, pelo email joao.rodrigues@ucpel.edu.br.
Redação: Tamires Brum 

foto da notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *